spot_img
spot_img

Tenente-coronel é investigado por suspeita de avisar garimpeiros sobre operações policiais

spot_img

Mais notícias

Houve quebra de sigilo telefônico do tenente-coronel Abimael Alves Pinto

27 de junho de 2023, 19:25 h Atualizado em 27 de junho de 2023, 20:08

Abimael Alves Pinto (Foto: Reprodução)

247 – Policiais federais investigam o tenente-coronel do exército Abimael Alves Pinto, suspeito de avisar garimpeiros sobre operações no interior do Amazonas. Agentes da corporação fizeram a Operação Jurupari realizada em Manaus (AM), Porto Velho (RO) e Ponta Grossa (PR). Houve quebra de sigilo telefônico do militar, que serviu em Manaus de janeiro de 2020 a julho de 2021. Também ocupou o cargo de subcomandante do batalhão de selva do exército.

Em áudio, ele avisava sobre uma operação na região de São Gabriel da Cachoeira (AM), na fronteira com a Venezuela e a Colômbia. Também falou sobre o trabalho dos agentes.

De acordo com as investigações da PF, o militar recebia garimpeiros que atuam em Japurá (AM), para repassar informações sobre as operações policiais e, em troca, ganhava dinheiro que era depositado na conta da empresa da esposa dele.

Depois foi transferido para Ponta Grossa, no Paraná, e continuou vendendo informações. Além dele, outros militares são investigados por participação no crime.

Marília
céu limpo
17.2 ° C
17.2 °
17.2 °
83 %
1.3kmh
0 %
seg
28 °
ter
28 °
qua
29 °
qui
30 °
sex
29 °

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Últimas notícias